Portal no Facebook Portal no Twitter Portal no YouTube Blog do Portal Portal nas Redes Sociais

Portal Terceira Idade
Notícias do Cidadão Notícias do Cidadão Espaço Livre Espaço Livre Shows e Eventos Shows e Eventos Cursos e Atividades Cursos e Atividades Parcerias Parcerias Direitos 3a.Idade Direitos 3a.Idade

Diálogo Aberto

Enquete "Você acha
que...?"
Enquete
Cadastre-se Cadastre-se
no Portal
3a.Idade!
Busca Procurando
algo no site?
Busca
Pesquisa Links para
Pesquisa
Mural de Trocas Anuncie
seu produto!
Mural
de Trocas
Fale Conosco Dúvidas?
Sugestões?
Críticas?

Fale
Conosco
Dicas de Internet "Download"?
"Browser"?
Dicas
de Internet

Colméias da 3a.Idade
Colméias da 3a.Idade
Escolha o seu assunto e participe de nossas salas de chat temáticas

Notícias do Cidadão
Notícias

Longevidade - Centenários
“Se você viver se aborrecendo por tudo, não chega”
Esse era, provavelmente, o segredo para a longevidade de Dona Canô, baiana, mãe de Caetano Veloso e Maria Bethânia, que viveu até os 105 anos. Segundo o IBGE, a Bahia é o Estado brasileiro com maior número de centenários
Por: Caroline Fernandes Mussato
Jornalista, formada pela Unimar e autora do livro ‘Vivendo’, é colunista convidada do Portal Terceira Idade
Fale com o colunistaFale com o colunista
Fale com o colunista
foto notícias

Dona Canô, ao lado de seus filhos Caetano Veloso e Maria Bethânia

e acordo com os dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), dos mais de 190 milhões de brasileiros – apurados no Censo de 2010 – 23.760 têm mais de cem anos.

E a Bahia é o estado brasileiro com maior número de centenários. São 3.525 moradores com cem anos ou mais. Em seguida, aparece São Paulo com 3.146, seguido por Minas Gerais com 2.597 centenários.

“A melhoria no acesso aos alimentos e os avanços da medicina contribuem para que a população viva mais. O acesso à saúde também melhorou e a urbanização se expandiu. A longevidade está ligada a todos esses fatores”, explica Valéria de Marcos, professora do departamento de geografia da USP.

Fórmula da juventude

Não existe uma fórmula especial que explique a grande quantidade de idosos com mais de cem anos na Bahia. O que se detecta naquele estado é que essas pessoas tentam se afastar das preocupações e chateações procurando levar uma vida regrada, rotineira e sem maiores exageros.

Deraldo Magno Santos, falecido aos 116 anos, em agosto de 2011, e Dona Canô, mãe do compositor e cantor Caetano Veloso e da intérprete Maria Bethânia, falecida aos 105, em dezembro de 2012, eram dois dos melhores símbolos da longevidade baiana.

Deraldo talvez tenha sido a pessoa mais velha do mundo – após a morte, em 2010, de Eugenie Blanchard, monja de 114 anos, considerada o ser humano mais longevo, e que vivia numa ilha caribenha.

“Saber viver, com amor no coração”

Já o segredo de Dona Canô parecia ser a sua rotina sossegada. Quando acordava, por volta das 6h da manhã, ela tomava apenas um café com leite e um suco. No almoço, comia de tudo, mas sem exageros. Na hora de dormir, por volta das 21h, ela tomava uma sopa, acompanhada por um cafezinho. “Tem de saber viver, ter amor no coração e ser correto. Se você viver se aborrecendo por tudo, não chega”, dizia Dona Canô.

Num dos abrigos mais antigos do Estado, o Abrigo Salvador, quatro dos 203 idosos que moram no local já ultrapassaram a barreira dos 100 anos.

Fotos/ilustrações: divulgação

Mais sobre o assunto, na internet
Globo.com > O Globo > Sociedade > Saúde > Centenários
Grupo de centenários triplica em uma década, mas acesso a saúde ainda é restrito no Brasil

Acesso a planos de saúde variou pouco nos últimos cinco anos, segundo pesquisa, e saúde pública carece de políticas para esta faixa etária
http://oglobo.globo.com/sociedade/saude/grupo-de-centenarios-triplica-em-uma-decada-mas-acesso-saude-ainda-restrito-no-brasil-15019788
Mais sobre o assunto, no Portal Terceira Idade
Notícias > Anteriores > Saúde - Longevidade (05/12/2014)
A expectativa de vida da mulher brasileira subiu para 78,6 anos, 7 a mais que a do homem, que atingiu 71,3 anos
A informação foi divulgada pelo IBGE no dia 1º deste mês. A boa notícia, porém, altera o fator previdenciário no cálculo das aposentadorias, causando uma redução média de 0,65% no benefício

Outras Notícias

Portal Terceira Idade® é uma realização da
Associação Cultural Cidadão Brasil
©Todos os direitos reservados
Desenvolvimento, Webdesign e Sistemas: Auika - Web & Graphic Design